Livros da minha Infância (3) – Ana C. Nunes

Ana Nunes regressa ao Página a Página, depois de ter participado em “Dos Blogues” a Autora de Caneta Papel e Lápis , Floresta de Livros e Garnath e a Bola de Cristal, fala-nos hoje sobre alguns Livros que marcaram a sua infância. Obrigado (uma vez mais Ana) por voltares ao Página.

Nascida há quase 28 anos na cidade do Galo, tive a sorte de ser criada por uma mãe que, não só me incitou um gosto pela cultura e arte em geral, como sempre se esforçou por me comprar colecções de livros didácticos (diga-se que eu também era bastante persistente quando queria uma coisa).
Ignorante quanto ao verdadeiro significado de uma biblioteca pública (ou mesmo escolar) confesso que na minha infância li apenas o que tinha em casa e pouco mais. Daí que o número de obras fosse limitado.
Os primeiros livros que me vêm à memória, são sem dúvida os da antiga colecção “Passo a Passo com a Rua Sésamo”, muito didáctica, com histórias originais e umas ilustrações que eu adorava. Folheie tantas vezes estes livros que eles estão com as lombadas todas estragadas e várias folhas sem cantos (infelizmente falta-me o 1º volume). Ainda hoje me lembro de muitas das histórias contadas nos livros e sem dúvida que estes são o marco mais significativo das minhas leituras de infância, não só pelas personagens que são conhecidas de todos, mas pelas lições que ensinavam.
Um dos meus favoritos desta colecção, foi o nº 3, chamado “A minha família”, que não só tinha várias histórias sobre a vida em família, como também algumas sobre os animais (como eles lidam com a família deles e como podem ser amigos das nossas famílias). A que me lembro de ler mais vezes, foi a d’ “O Gualter toma conta do bebé”, não sei se foi por naquela altura ter já um irmão mais novo, mas achei adorável a forma como o Gualter (o monstrinho azul de pernas e braços muito finos) cuidava da irmã e ajudava a mãe. Acho que me revi naquilo.

Outras colecções que me marcaram na infância foram “Enciclopédia Infantil Ilustrada” e “Dom Fonsarilho e Santa Pança”. O primeiro por ser muito interessante e me ter ensinado coisas muito curiosas sobre o mundo e sobre as tradições portuguesas; e o segundo pelo factor histórico (embora muito fantasiado) e pelos belíssimos desenhos.
É fácil perceber como fiquei fã de BD, já que todos estes livros têm belíssimas ilustrações. Daí a começar a ler BD, foi um salto muito pequeno. Comecei pelas BDs da Disney, passei muito tempo na companhia da Marvel (X-Men, Wolverine, Homem-Aranha) e só muito mais tarde (já na adolescência) conheci a forma de arte sequencial que mais leio hoje em dia, o Manga (ou mangá).

Por último não posso deixar de mencionar as revistas “O Meu Amiguinho” que me acompanharam também durante muito tempo e que eu adorava explorar, não só por serem muito informativas, mas também pelos desenhos (vê-se logo que sempre fui uma criança muito visual). Acho imensa graça que, hoje em dia, os ‘amiguinhos’ são ainda os mesmo e bem reconhecíveis. Não sei se  a revista continua vasta no conteúdo, mas acredito que sim.

Como vêem as minha infância e início de adolescência não teve nenhum dos livros mais “comuns”, como “Os Cinco” ou “Uma Aventura”, isto porque andava um pouco alheia a essas tendência, numa fase em que estava praticamente virada só para a BD. O que não quer dizer que não tenha lido alguns, mas não posso dizer que tenha ficado fã ou sequer me recorde muito bem do que achei dos livros.

Apesar de ser uma criança que lia com frequência, não fui uma criança que lesse muita diversidade, daí a minha experiência infantl ser um pouco curta. Se ao menos eu tivesse frequentado a biblioteca, quem sabe, a história não seria outra.

Anúncios

4 thoughts on “Livros da minha Infância (3) – Ana C. Nunes

  1. Olá Nuno e Ana,
    Gostei muito de ler sobre os livro que marcaram a infância da Ana 🙂
    Em pequena eu adorava a colecção da Disney que a minha mãe comprou-me. Agora andam as minhas filhas com os livros e já estão tão velhinhos 🙂 mas trazem-me sempre tão boas recordações…

    Beijos aos dois

    Ps- obrigado Nuno, por teres aí a divulgação da 9ª leitura conjunta do Destante 😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s