Biblioteca Ideal: Quiproquó

Continuamos à procura da nossa Biblioteca Ideal, houve algumas pessoas que decidiram responder ao pequeno desafio que pedi… A criação da lista dos “nossos 50 livros obrigatórios”

Depois do blogue Tons de Azul ter participado é a vez da Teté do Quiproquó nos apresentar a sua lista. Daqui a uns meses, iremos juntar numa lista única os tais 50 livros. É certo que estas listas estão em constante mutação e nunca são definitivas. Se quiserem participar, elaborem uma lista de 50 livros que para vocês são importantes… tão importantes que devem ser realmente lidos. Basta enviar essa lista para: bloguepaginaapagina@gmail.com.

1 – Anne Frank  – “O Diáro de Anne Frank”
2 – Alexandre Dumas – “O Conde de Monde Cristo”
3 – Charlotte Bronte – “Jane Eyre”
4 – Jane Austen – “Orgulho e Preconceito”
5 – Mark Twain – “As Aventuras de Tom Sawyer”
6 – Charles Dickens – “David Copperfield”
7 – Emile Bronte – “O Monte dos Vendavais”
8 – Agatha Christie – “A Última Razão do Crime”
9 – Tolstoi – “Guerra e Paz” (2 volumes)
10 – Pearl Buck – trilogia: “Terra Bendita”; “Os Filhos de Wang Lung”; “Casa Dividida”
11 – José Mauro de Vasconcelos – “O Meu Pé de Laranja Lima”
12 – Eça de Queirós – “Os Maias”
13 – Vergílio Ferreira – “Manhã Submersa”
14 – George Orwell – “1984”
15 – Zola – “Nana”
16 – Erasmo – “O Elogio da Loucura”
17 – Erich Maria Remarque – “A Oeste Nada de Novo”
18 – Soeiro Pereira Gomes – “Esteiros”
19 – Victor Hugo – “Os Miseráveis” (6 volumes? A wiki diz 5, é possível…)
20 – Henri Charrière – “Papillon”
21 – Alexander Soljenetsin – “Um dia na Vida de Ivan Denisovich”
22 – Boris Pasternak – “Doutor Jivago”
23 – John Steinbeck – “A Leste do Paraíso”
24 – Irving Wallace – “O Prémio”
25 – Gabriel Garcia Marquez – “Cem Anos de Solidão”
26 – Jacques Kerouac – “Pela Estrada Fora”
27 – Collen McCulough – “Pássaros Feridos”
28 – Umberto Eco – “O Nome da Rosa”
29 – Saint-Exupéry – “O Principezinho”
30 – John Irving – “O Estranho Mundo de Garp” (2 livros de bolso)
31 – Marion Zimmer Bradley – “As Brumas de Avalon” (4 volumes)
32 – Luis Sepúlveda – “História de uma Gaivota e do Gato que a Ensinou a Voar”
33 – António Victorino d’Almeida – “Coca-cola Killer”
34 – Ruth Rendell – “Rei, Capitão, Soldado, Ladrão”
35 – Carlos Ruiz Zafón – “A Sombra do Vento”
36 – Kiran Desai – “A Herança do Vazio”
37 – Markus Zusak – “A Rapariga que Roubava Livros”
38 – Ernest Hemingway – “O Velho e o Mar”
39 – Sándor Márai – “As Velas Ardem Até ao Fim”
40 – Rosamunde Pilcher – “Os Apanhadores de Conchas”
41 – Héctor Abad Faciolince – “Somos os Esquecimento que Seremos”
42 – Mário Vargas Llosa – “A Tia Júlia e o Escrevedor”
43 – Stieg Larsson – trilogia “Millennium”
44 – José Luís Peixoto – “Livro”
45 – Manuel da Fonseca – “Cerromaior”
46 – Antonio Skarmeta – “O Carteiro de Pablo Neruda”
47 – Domingos Amaral – “Enquanto Salazar Dormia…”
48 – Harper Lee – “Não Matem a Cotovia”
49 – Murakami – “A Sul da Fronteira a Oeste do Sol”
50 – Pepetela – “O Planalto e a Estepe”

Anúncios

2 thoughts on “Biblioteca Ideal: Quiproquó

  1. Bom, e como a Catarina, do blogue “Contempladora Ocidental”, também fez a sua lista que autorizou a que divulgasses, já vão três para a tal lista comum. Esperemos que apareçam mais… 🙂

    Faltam as fotos de biblioteca, eu sei! Vou ver se te envio mais logo ou amanhã… 😉

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s