Filosofias

Estava a perguntar-me porque é que que com tanta filosofia, água benta e banha da cobra que me tentam vender, ainda ninguém enriqueceu?
Sei que o estados de espírito são como o pau que vai e vem enquanto as costas folgam um bocadinho.
Deixei de me preocupar em cumprir metas e objectivos e passei apenas a contar os dias, as horas e os minutos, como gotas de água caindo de uma qualquer torneira ferrugenta.

Disseram-me que desisti de tudo aquilo em que acreditava. Que me distanciei de tudo e de quem fui e que cada vez me afasto mais de tudo aquilo que sou.
Não tenho alvos… trato sempre os bois pelos nomes e nisso não me faço de rogado.
Faço-o olhos nos olhos. Nunca tive muito jeito na prática do Tiro ao Boneco.
Quem não entender, 3 palavras: “Vá à Merda”

Ando sem qualquer espécie de tempo para filosofias, pensamentos e sobretudo sem grande pachorra para as conversas de quem trabalha das 9 ás 5 e que tenta fazer crer que a puta da vida se resume a meia dúzia de páginas de um livro.
Estou cada vez mais corrosivo, ácido e sem paciência para grandes temas e tretas.
Ou me salvo e me curo… ou me perco para sempre

* Imagem de Cabeçalho (Retirada da Internet)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s