O Toque – O Outro lado da Página

o toque

Recuperar o controlo das emoções, é sem dúvida a forma mais justa e eficaz de dizer basta a tudo aquilo que não queremos, não pedimos, nem merecemos.
Agir em conformidade com tal é meio caminho andado para fechar a porta a novos fantasmas.
Somos aquilo que somos, aquilo que procuramos, aquilo que damos. Somos os caminhos que trilhamos.
De novo eu. Novamente eu. Apenas nesta equação poderemos ser e descobrir o nós.
Nunca. Nunca mais o tu, ou nós ou nada.
De novo eu.

Nuno Chaves – 02 de Março 2015

* * *

Fotografia: “O TOQUE”
© – By: António Carreteiro
Intervenientes na Imagem: Nuno Chaves e Rui Toscano
Todos os Direitos Reservados

logo

I seek to cure what’s deep inside
Frightened of this thing that I’ve become

Anúncios

One thought on “O Toque – O Outro lado da Página

  1. Somos sempre o mais importante.
    Mesmo que um dia voltes a pensar no “nós” nunca te esqueças que lá no fundo ainda existe um “eu” que tem de estar bem para aceitar o “nós” em conformidade.
    Bom resto de semana.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s